www.ccdapdl.pt

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte

12ª Etapa - Variante Espiritual - Pontevedra - Armenteira

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Aproximadamente por volta das 07:15 partimos rumo a Pontevedra. Decidimos aqui voltar, para que pudéssemos fazer a variante espiritual que é composta por três etapas, a saber: Pontevedra-Armenteira, Armenteira – Vila Nova de Arosa e Vila Nova de Arosa – Pontecesures.

Depois de termos tomado o pequeno- almoço começamos a nossa etapa e quando chegamos ao desvio, onde deixamos o Caminho Central Português para trás, paramos para reagrupar o grupo.
De seguida, dirigimo-nos a Poio, comunidade autónoma da Galiza, que fica entre 7 a 8 quilómetros da província de Pontevedra.

Nesta localidade simpática aproveitamos para fazermos uma pequena paragem técnica. Repostos os níveis calóricos voltamos ao Caminho e 4 quilómetros depois eis que chegámos a Combarro.
Combarro, paróquia do município de Poio, província de Pontevedra, é uma vila turística à beira-ria. Na parte mais antiga da vila encontramos diversos cruzeiros e espigueiros muito bem conservados. São considerados bens de interesse cultural. A título de curiosidade, o segundo maior espigueiro da Galiza, pertence a uma família de alta-costura.
Achamos igualmente interessante existirem tantos restaurantes e lojas de artesanato numa vila tão pequena.

Uma vez que até Armenteira não iriamos encontrar mais nenhum café e apenas existia uma fonte à saída de Combarro, optamos por almoçar, nesta vila tão bela e acolhedora!
Quando retomamos o caminho, passamos à beira-ria e, depois de atingirmos uma altura considerável, fomos premiados com uma vista panorâmica sobre a vila e de toda a zona envolvente.

Mais tarde, saímos da estrada e entramos num trilho muito agradável ao longo da serra. No troço encontramos varias subidas ingremes mas, a poucos quilómetros do fim, começamos finalmente a descer rumo a Armenteira.
Aqui a paisagem altera-se consideravelmente, dando lugar às Rotas da Água e da Pedra e do Vinho.

Já em Armenteira, cantamos os parabéns ao nosso aniversariante e amigo Monteiro, que nos trouxe um bolo e vinho do Porto para celebrarmos mais uma primavera e posteriormente fomos visitar o Mosteiro.
Por voltas das18horas partimos rumo a Leça da Palmeira. Fim de mais uma aventura!

Leça da Palmeira, 18 de Abril de 2018
Paula Silva