www.ccdapdl.pt

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte

Acção Saúde Mental - rastreio

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

rastreio 2016 3A Organização Mundial de Saúde (OMS) define a saúde mental como "o estado de bem-estar no qual o indivíduo realiza as suas capacidades, pode fazer face ao stress normal da vida, trabalhar de forma produtiva e frutífera e contribuir para a comunidade em que se insere".

Nesta definição, a "saúde mental" é entendida como um aspecto vinculado ao bem-estar, à qualidade de vida, à capacidade de amar, trabalhar e de se relacionar com os outros. Com esta perspectiva positiva, a OMS convida a pensar na saúde mental muito para além das doenças e das deficiências mentais.

Neste sentido,

O Dr. Miguel Moura , Neuropsicólogo do nosso Centro de Assistência, convida todos os interessados a participar no seguinte programa:

RASTREIO DE SAÚDE MENTAL - 13 DE ABRIL

RASTREIO 2016 1Destinatários: Toda a população ativa

  • Deteção de quadros depressivos
  • Perturbações de Ansiedade
  • Luto
  • Fobias
  • Alterações de sono e apetite
  • Dor crónica
  • Aconselhamento escolar
  • Orientação na procura de emprego

RASTREIO 65+ - 4 DE MAIO

Destinatários: Toda a população com mais de 65 anos

  • Avaliação cognitiva
  • Deteção precoce de demências como Alzheimer (afeta 50% da população com mais de 85 anos) ou Parkinson

RASTREIO 2016 2

ESTIMULAÇÃO DA MEMÓRIA E DA ATENÇÃO – 8 DE JUNHO

Destinatários: Toda a população ativa

  • Fisioterapia para o cérebro

" O interesse do tema versado nesta iniciativa foi recentemente motivo de noticia do Expresso Diário de 24.03.2016, que tem como base o relatório da Direcção-Geral da Saúde, cujo retrato da saúde mental em Portugal, não é animador. O consumo de antidepressivos está a disparar e o suicídio está a crescer, sobretudo nas pessoas em idade activa."

Em reacção a estas conclusões, o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, afirmou que é preciso reflectir sobre o consumo acrescido de fármacos antidepressivos. O governante defendeu uma maior capacitação dos cuidados de saúde primários para estas áreas, estando previsto um reforço de psicólogos nos centros de saúde até ao final do ano.

Inscreva-se já através do 22 999 07 77 ou pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

Participe e divulgue